top of page

Bom Jardim

Se tem alguma característica inegável nos cafés brasileiros, é a doçura, e quando ela vem em notas escandalosas de rapadura, então?

Este maravilhoso café "apareceu" na festa de 30 anos da Expocacer, quando apresentei o projeto do Pack das Estações para o Gabriel Nunes, isso já deveria ser umas 2 da manhã, conforme eu explicava a idéia e os sensoriais que eu estava buscando, ele prontamente sorriu e ofereceu o "rapadura floral", um café de pontuação bastante alta, que certamente compriria a missão de "floral" no pack de primavera.


Um dos nossos primeiros parceiros comerciais foram os Nunes, família bem tradicional da cafeicultura do Cerrado. Desde 2018, quando eles foram os campeões dos Cup of Excellence -o melhor café do Brasil daquele ano- as atenções se voltam para a fazenda Bom Jardim a cada safra, esperando os resultados de mais um ano de investimento e dedicação. Foi graças a esse café campeão, que era fermentado, que as fermentações se proliferaram pelo Brasil. De lá, também surgiu um dos primeiros Geishas brasileiros comercializados. Seu protagonismo é inspirador.


O café é da fazenda Bom Jardim, a poucos quilômetros do centro de Patrocínio, Minas Gerais. Um catuaí amarelo, natural fermentado por 36 horas.





7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Omelo

bottom of page